Annapurna Life por Silvia Perotti

Contatos:

E-mail: silvia.perotti@annapurnalife.com

What'sApp (11) 99262.3979

Seg. a Sex 8h00 às 18h00

Sab. 8h00 às 14h00

(c) 2017 Annapurna Life. Todos os direitos reservados

Má Nutrição em Idosos

11/9/2017

 

Ao longo da vida passamos por várias fases onde nossa força física e poder digestivo variam de intensidade. Estudos apontam que a idade tem uma grande influência nessas mudanças. A medida que ficamos mais velhos vamos perdendo o apetite, nossas papilas gustativas desgastam comprometendo o paladar e nosso fogo digestivo fica mais fraco. Esses fatores podem nos levar a má nutrição se não adotarmos medidas preventivas.

 

Vou abordar alguns aspectos e sugerir alternativas segundo a Ayurveda que podem ajudar a minimizar o fator idade:

 

Sabor

Saber equilibrar os 6 sabores ayurvédicos (salgado, doce, picante, azedo, adstringente e amargo) na comida melhora a percepção de sabor, pois essa combinação promove uma sensação de satisfação que é vivenciada pelo cérebro. Dessa forma o corpo percebe o valor energético do alimento e sente saciado.

 

Digestão

Depois dos 50 vamos perdendo gradativamente o poder digestivo. Para contornar esse fato é fundamental mudar a forma de preparo dos alimentos. Recomenda-se comer mais alimentos cozidos do que crus, deixar de molho antes do cozimento e/ou fermentar leguminosas para aumentar a disponibilidade dos nutrientes, e reduzir consumo de proteína animal (que é de difícil digestão) e aumentar o uso de caldos preparados com proteína animal. Aumentar também o consumo de gorduras de boa qualidade.

 

 

Valor nutricional

O ideal é cuidar da variedade sempre!

Comer o que está na época, preferencialmente alimentos frescos e cozidos. A variedade vai colaborar para que o indivíduo receba o mesmo nutriente de diversas fontes e possa, de acordo com seu fogo digestivo, absorver o máximo possível de cada uma delas. E ao seguir a sazonalidade de frutas e vegetais a oferta de nutrientes fica adequada as estações do ano.

 

Apetite

Para estimular o idoso a se interessar pela comida, é preciso elaborar na forma, cor, e nos aromas. Use ervas, texturas e cores. Mas lembre-se também que a atividade física ajuda muito para abrir o apetite. Manter-se ativo melhora todas as funções digestivas.

 

Eu aprendi trabalhando com idosos que a mais difícil tarefa para quem cozinha para eles é atender às expectativas da memória afetiva de sabor. Então, seja criativo e faça coisas diferentes, reinvente os pratos tradicionais sem tentar recriar sabores do passado!

 

Se você quiser aprender como cozinhar de acordo com os princípios da Ayurveda fale conosco, aqui.

 

 

Leia o estudo completo, aqui!

 

 

Please reload

Annapurna Life por Silvia Perotti